segunda-feira, janeiro 31, 2005

NÁ' MÉRICA VII

RELATO – THIS IS THE END

«E assim acontece … o fim:

Cuzco [Link], a capital do império Inca (1400 a 1500), civilização aniquilada pelas invasões Espanholas que destruíram todos os seus templos para construir templos católicos.

13 de Janeiro visita ao Vale Sagrado , aqui podemos ver três locais arqueológicos distintos. Primeiro Pisac uma "vila inca" abandonada por ordem dos Espanhóis e parcialmente destruída. A seguir Ollantaytambo [Link] outra "vila Inca" distinta da anterior pois ainda é habitada por descendentes dos Incas e dos invasores; por ultimo Chinchero com um magnifico mercado de artesanato nos terrenos adjacentes a uma deslumbrante Igreja construída sobre um templo Inca.



14, 15, 16 e 17 de Janeiro. Finalmente o muito aguardado trilho inca. 13 Caminhantes "incas" – um Português, - um Sueco, 11 Argentinos(as) 1 guia e 10 carregadores responsáveis por transportar toda a logística e comida.



É simplesmente fantástico, quatro dias caminhando por vales profundos sempre com cumes brancos espreitando e uma vegetação luxuriante. No último dia começamos a caminhar para Machu Picchu [Link] pelas 5 horas da madrugada, a expectativa era elevada mas quando lá chegamos estava um nevoeiro muito forte. Para nossa sorte pelas 10h00 tivemos a visão mágica que segue em anexo.



No fim do dia voltei para Cuzco pois no dia seguinte pela manhã tinha um voo para Lima a capital do Peru. Aqui tive umas 10 horas para ficar com uma visão da cidade. Mas que visão, tentaram-me roubar a máquina fotográfica por esticão, é o normal todas as grandes cidades têm bairros não muito recomendados e este parecia ser um desses.

Pelas 20h00, hora de Lima, estava a fazer o check-in quando me apercebi que a Ibéria tinha sobre-vendido este voo e procurava voluntários para ficar por Lima mais um dia com uma choruda indemnização (375€) eu bem tentei mas...

Aqui estou eu a escrever as ultimas palavras acerca desta viagem no conforto da minha casa e já com dois dias de trabalho contabilizados...

Espero que todos tenham ficado mais curiosos acerca do mundo que nos rodeia e com uma imensa vontade de viajar. Esta é a forma mais adequada para se perder preconceitos e ideias preconcebidas sem sentido para se poder crescer como cidadãos do mundo e abrir horizontes...

"Está uma coisa
escondida atrás
da cordilheira.
Perdida,
à tua espera.
Vai!" – Ruddyard Kippling,
O Explorador (1898)»



IMAGENS

Imagem 01 – Chinchero;
Imagem 02 – Inca
Imagem 03 – Trilho Inca -
Imagem 04 - Machu Picchu
Imagem 05 - Lima

NOTA DO AUTOR = EU

Foi um final feliz, o artista principal sobrevive, mais disfunção intestinal, menos disfunção intestinal, mas sem grandes mazelas. Já cá está há uma semana, escreveu o seu último relato com bastante pontualidade, o tempo tardio da entrada deste post deve-se só ao seu autor=EU. Porém, sobre esta viagem, seguramente, mais imagens surgirão neste blogue. A profundidade da informação anexa a elas prefiro não fazer promessas. Tudo vai depender, da disponibilidade e da inspiração.
Desta forma, tudo aponta para que esta sequela, NÁ’MÉRICA, não tenha um fim, mas sim um largo interregno, porque à fortes indícios que o autor deste post=EU, também para lá me dirija nas minhas próximas férias. Não tanto para sul … a “níbél de mim é mais isto”. De lá escreverei na primeira pessoa, e contarei as minhas estórias “con el pueblo”.


OS OUTROS EPISÓDIOS

Ligação - NÁ’MÉRICA VI;
Ligação - NÁ’MÉRICA V;
Ligação - NÁ’MÉRICA IV;
Ligação - NÁ’MÉRICA III;
Ligação - NÁ’MÉRICA II;
Ligação – NÁ’MÉRICA I.

segunda-feira, janeiro 24, 2005

A REACÇÃO TEM RAZÃO

Divergências de esquerda à parte, não partilhando o projecto político de Louçã, mas o som foi entoado pela esquerda, e com muita pena ouvi o Chico a perder a razão. Com o devido respeito, o Sr. Pedro “Reaça” Mexia contrapôs [em, o sr. Não tem o direito de escrever posts] com a maior a facilidade.

INTERPOL - UM GOSTO AMADURECIDO



Quanto mais ouço, “Turn On the Bright Lights” mais prazer tiro deste album dos Interpol. Fabulosos os temas “Untitled”, “Obstacle 1”, e então este “The New”, oh, oh,oh!!

THE NEW

I wish I could live free
I hope it's not beyond me
settling down it takes time
one day we'll live together
and life will be better
I have it here yeah in my mind
baby, you know someday you'll slow

baby, my heart's been breaking

I gave a lot to you
I take a lot from you too
you slave a lot from me
guess you could say
i gave you my edge

I can't pretend
I need to defend
some part of me from you
I know I've spent some time a-lying
I can't pretend
I don't need to defend
some part of me from you
I know I've spent some time a-lying

You're looking alright tonight
I think we should go
You're looking alright tonight
I think we should go

sábado, janeiro 22, 2005

sexta-feira, janeiro 21, 2005

FÍSICA DOS TSUNAMIS - HOJE


Imagem [Link]

Sempre se confirma que hoje, 6ª feira, se vai realizar palestra.

«A Física dos Tsunamis
pelo Prof. Dr. João Miguel Dias
da Universidade de Aveiro

na Biblioteca Municipal de Ovar
Início 21h30

Apesar do título poder ser assustador o nível da palestra
é de divulgação. E quem assistir ficará a perceber melhor
o que é, como se forma e como se propaga um tsunami. Vale
mesmo a pena.
Pedia a todos que publicitassem a mesma a familiares,
amigos, etc e depois não se esqueçam de aparecer :-)»

segunda-feira, janeiro 17, 2005

ARTE NO BLOGUE "ABAIXO DE CÃO" II

É sempre importante constatar que esta estória da interactividade da blogosfera funciona. Vítor, obrigado por responderes à minha dúvida. Na verdade foram pessoas com nomes e actividades distintas.

Michel Giacometti - «Mais de 30 anos depois da data original de publicação, foram finalmente [há cerca de um ano] reeditados em CD os célebres cinco volumes dos "Arquivos Sonoros" (os míticos cinco LP de capa de serapilheira), onde Michel Giacometti e Fernando Lopes Graça reuniram o resultado das suas recolhas de música popular tradicional portuguesa.» [At-Tambur.com, Músicas do Mundo]
Alberto Giacometti [Wikipédia]

: - )))

A FINA ARTE DA SEDUÇÃO: Afaga-mos. [3 Pastelinhos - Link]

sábado, janeiro 15, 2005

ARTE NO BLOGUE "ABAIXO DE CÃO"


Vasiliy Vasil'yevich Kandinsky [AdC]


Alberto Giacometti [Galeria AdC]

Professor AdC, para minha surpresa verifico que Alberto Giacometti, para além de investigador musical, também foi escultor. Ou não estamos a falar do mesmo?
A tua galeria está excelente.


Amadeu Sousa Cardoso [Galeria AdC]

HUYGENS ALIEN WINDS DESCENT

SONS E IMAGENS DE TITAN - SOUNDS AND IMAGES FROM TITAN

- Sons de Titã - Sounds of Titan [Link];
- HUYGENS continuou a transmitir dados 5 horas após ter aterrado em Titã [Link];
- HUYGENS entrou na atmosfera de Titã [Link].



«This image was returned yesterday, January 14, 2005, by the European Space Agency's Huygens probe during its successful descent to land on Titan. This is the colored view, following processing to add reflection spectra data, and gives a better indication of the actual color of the surface.» [...]

«The Cassini-Huygens mission is a cooperative project of NASA, the European Space Agency and the Italian Space Agency. The Jet Propulsion Laboratory, a division of the California Institute of Technology in Pasadena, manages the Cassini-Huygens mission for NASA's Science Mission Directorate, Washington, D.C. The Cassini orbiter and its two onboard cameras were designed, developed and assembled at JPL. The Descent Imager/Spectral team is based at the University of Arizona, Tucson, Ariz.» [Esta informação encontra-se aqui]

PESSOAL E TRANSMISSIVEL



[Link]

HUMPFT!

«O soldado norte-americano Charles Graner foi declarado culpado de maus-tratos aos prisioneiros, decidiu um tribunal militar do Texas, revelaram fontes ligadas ao processo.»[Fonte - RTP] A administração Norte-Americana está ilibada.

?!?!?!?!?!?!

[...] «Pedro Magalhães é um dos poucos comentadores que comenta assuntos que realmente conhece (digo isto sabendo bem que faço parte desses outros, os generalistas de café).» [PM-Fora do Mundo]Também.

[...] «Rivette pôs Emanuelle Béart nua durante minutos sem fim em La Belle Noiseuse. E conseguiu esse prodígio de nos fazer quase esquecer (quase) o lado sexual dessa actriz. Ao fim de vinte minutos, vira mera nudez de modelo (o seu papel no filme). Ou nudez de consultório médico. Um dado de facto, como estar vestido.
Então, não é o corpo bonito que importa. Não é a nudez. É o contexto.
Se bem que, em termos de nudez, o dinheiro nos leve mais longe do que a semiótica.»
[PM-Fora do Mundo].

quinta-feira, janeiro 13, 2005

HOJE FOI ASSIM


Imagem - Joe Cunningham.

“NÁ’MÉRICA” VI



RELATO

«Boas familiares, amigos, conhecidos, e desconhecidos.
Sim já estou perto do fim, só me restam 6 dias. OOOH. Loucura (des)controlada a descida de bike pela estrada mais perigosa do mundo. Realmente a adrenalina é uma "droga" muito forte pois na descida a velocidade era tanta que não me apercebi do perigo de a qualquer momento entrar no vazio de uma escarpa de 500 metros! Só quando subimos de bus é que nos apercebemos do perigo. Foi mais uma experiência fabulosa, recomendo.




No dia seguinte aproveitei a manha para sentir mais um pouco a respiração de La Paz, mercados multicolores cheios de agitação, ruas com o constante anunciar dos destinos dos colectivos e claro o famoso telemóvel com a diferença que são transportados por pessoas de colete verde e os alugam ao comum mortal! Por ultimo aproveitei para visitar o museu da COCA que embora nada de fantástico possuía muita informação sobre a mesma, uso tradicional, coca-cola, cocaína,... Pela tarde apanhei um micro para Copacabana, que é o porto de entrada para o Titicaca. Na manha seguinte apanhei um barco mais uma malta para a ilha do Sol, onde fizemos um trilho por ruínas Incas e passamos a noite.



Aventura? Aí vem ela: 11 de Janeiro bloqueio na Bolívia e no Peru. O meu objectivo: chegar a Cusco no Peru. Após a espera de várias horas e a troca constante de agências conseguimos uma companhia de autocarros peruana que com um adicional nos podia transportar. Copacabana é perto da fronteira peruana logo, até aqui não ocorreram problemas. Começamos a viajar pelo anoitecer no Peru quando passado 1/2 hora de viagem surge a primeiro bloqueio, 10 a 20 campinos interrompendo a circulação com pedra na estrada. Aí saiu o nosso guia que após alguns minutos de negociação e alguns Sol's (1 E = 4 Sol's) providenciou a nossa passagem. O problema é que surgiram 11 bloqueios semelhantes e nas estávamos fechados no autocarro com as cortinas corridas ouvindo palavras de ordem, alguns insultos (usando a palavra Gringos) e em dois casos chegaram a atirar pedras contra o autocarro. Afinal eram alguns produtores de carne a protestar contra um aumento de um imposto e que cediam a nossa passagem por 15 a 20 Sol's ! Acumulando a isto o meu leitor de MP3 já se foi! Com esta confusão toda alguém foi à minha mochila grande e gamou-o. Águas passadas à que pensar no futuro. Hoje aproveitei para organizar os meus restantes dias e para conhecer esta vela localidade chamada Cusco.
Planeamento:
13 Janeiro: - Tour ao valle Sagrado
14, 15, 16 e 17 Jan: - Inca Trail (objectivo final desta caminhada o Machu Pichu)
18 Janeiro: - Avião Cusco para Lima pela manha
- Visitar por umas horas Lima
- 21h 00 Avião Lima Madrid19 Janeiro - Pelo meio da tarde chego ao Porto»




NOTA DO AUTOR DO POST = EU

Fica-te bem o vermelho. Prepara-te para repetir muitas vezes, muitas estórias, a muita gente. Aquele abraço. Ah! E depois um post especial aqui no Nelsu.

IMAGENS

- Imagem 1 – Mina Potosí [Bolívia];
- Imagem 2 – Viagem Potosí [Bolívia];
- Imagem 3 – Bicicleta La Paz [Bolívia];
- Imagem 4 – La Paz [Bolívia];
- Imagem 5 – Titicaca [Peru];

EPISÓDIOS ANTERIORES DA SAGA "NÁ'MÉRICA"

“NÁ’MÉRICA” V - Ligação;
“NÁ’MÉRICA” IV - Ligação;
“NÁ’MÉRICA” III - Ligação;
“NÁ’MÉRICA” II - Ligação;
“NÁ’MÉRICA” I - Ligação.

NICK CAVE & THE BAD SEEDS – NOVO LANÇAMENTO

«O REGRESSO DE NICK CAVE - O músico vai editar uma tripla colectânea, chamada “B Sides & Rarities”». [Fonte – Antena 3]

ESTENÓPIO OU PINHOLE

(continuação)

1. O que é um Estenópio ou Pinhole?
2. Construção da câmara
3. Captação de imagens
4. Revelação das imagens
5. Positivar as imagens

POSITIVAR AS IMAGENS

Material necessário:
> Revelador de papel fotográfico;
> Banho de paragem e fixador;
> Tinas e pinças;
> Câmara escura;
> Vidro (capaz de cobrir o negativo por completo);
> Luz branca de 15W;

Procedimento:
Coloca-se o negativo com a emulsão virada para baixo, sobre um pedaço de papel de tamanho idêntico, mas com a emulsão virada para cima. Sobre eles coloca-se o vidro. A luz branca de 15W deve ser colocada em cima, a cerca de 1 metro de distância. Acende-se esta durante determinado tempo (que será achado através de tentativas), até que a imagem fique com a exposição correcta. Vamos supor que na primeira experiência expomos 10 seg. Caso o positivo fique completamente branco, isso significa que temos de ter a luz mais tempo acesa. Podemos experimentar 20 seg... O contrário, ou seja, um positivo completamente preto, significa excesso de exposição, logo, devemos diminuir esse tempo.Depois de achar o tempo correcto, revela-se o positivo da mesma forma que se revelou o negativo. Diâmetro ideal do orifício: Quanto maior for o orifício criado na câmara, menos tempo de exposição será necessário, uma vez que a passagem de luz é superior. Mas uma fotografia mais rápida, significa também, menor qualidade. Um orifício mais reduzido, cria imagens mais nítidas, mas este não pode ser excessivamente pequeno, para não haver uma mudança da direcção dos raios luminosos, fenómeno este a que se dá o nome de difracção. Caso isto aconteça, existe novamente perda de qualidade de imagem. Existe uma formula para encontrar o diâmetro mais correcto do orifício para cada câmara:
Diâmetro óptimo do orifício = Distância da película (em mm) : 25
Portanto, o diâmetro mais correcto para uma pinhole com uma distância de 10 cm (100 mm), entre o local onde será feito o furo e o local onde será colocada a película, é de 0,4 mm. (10 : 25 = 0,4).

quarta-feira, janeiro 12, 2005

COISAS SÉRIAS III

APRENDER QUANDO JÁ SE SABE

«O gago aborda um transeunte na rua:
- O se... senhor sa... sa... sabe, on... on... de fi... fi... ca a esco... cola de ga... ga... gagos?
- Mas para quê? O senhor já gagueja tão bem!»


Vinda de Antoine Roix. Merci Monsieur Roix.

COISAS SÉRIAS II

MÁS ONDAS ESSAS, AS DOS TELEMÓVEIS

Vindo do Paolo S. este link [BBC Science] e o texto.

«Dêm uma vista de olhos a isto e muita precaução para o uso racional do telemovel, só falar o minimo indispensavel e usar o auricular (mãos livres) sempre que possivel, não é a 1ª vez na historia que só depois de passado o tempo é que se descobriu o efeito adverso de algumas invenções e tecnologias, nomeadamente a radioactividade (ficaram doentes e morreram centenas de pessoas antes de se descobrir que era mortal, inclusive a propria pessoa que a identificou, M. Curie) as proprias microondas, etc.
As pessoas que trabalham com microondas (tecnicos de telecomunicações, radares, etc) podem testemunhar as consequencias da exposição prolongada: dores de cabeça, confusão, fadiga. Eu proprio numa cadeira da faculdade, Laboratorio de Microondas, acabava muitas das aulas com dores de cabeça e desconforto, e sou uma pessoa que rarissimamente tenho dores de cabeça. E há alguns factos que fazem ter receio sobre esta materia: a minima distancia da fonte de radiação ao cérebro (o telemovel encostado à cabeça, e agora a maioria dos telemoveis nem tem antena que permita afastar um bocado a radiação) e as frequências da radiação que, embora não sejam muito altas, entram já na banda das microondas (900MHz, 1.8GHz...) com efeitos de aquecimento de tecidos comprovada (sabem como funciona um forno de microondas ?) E, embora a potência de emissão seja tambem relativamente baixa, não sabemos o que pode acontecer com a radiação a incidir no mesmo sitio ao longo de anos de exposição...
Outro receio é a capacidade de esta radiação poder alterar o ADN das células que como sabem é a origem de muitos cancros, a radiação estraga sequencias de bases no ADN e a informação codificada na sequencia fica alterada para sempre nessas células, dando lugar ao aparecimento de aberrações. Mais uma vez, o argumento em contra é que esta radiação não chega a ser ionizante mas considerando as diferenças individuais entre as pessoas, a sua condição de resistência ou fragilidade num determinado momento...
Normalmente as pessoas não tem a noção do poder da radiação do telemovel porque é algo que parece abstracto ou intangivel, mas com certeza já viram a interferencia que o telemovel causa nos aparelhos de radio, quando se aproxima de um ecrã de televisão ou computador, as luzinhas em autocolantes que acendem quando o telemovel está numa chamada, ou acender uma lâmpada de neon que se ponha em contacto com o telemovel. Pois donde vem esta energia ? O que acontecerá com esta energia a atravessar o nosso cerebro durante centenas (milhares) de horas durante uma vida ?
Já para não falar da radiação proveniente das estações base que proliferam como cogumelos e tem potências de radiação muito mais elevadas. Estas têm o atenuante da distancia às nossas cabeças, mas uma pessoa que viva num predio enfrente a uma destas antenas provavelmente é bombardeado com mais radiação que se tivesse um telemovel encostado à cabeça. Como sabem, em alguns paises, como na Suíça, foi feita legislação para proibir a instalação destas antenas a uma distancia menor de um valor estipulado seguro junto de locais habitados ou frequentados por pessoas.
Este é um tema que continuará a dar muito que falar e não esqueçamos que os telemoveis é um meganegocio que movimenta muito dinheiro, do qual dependem tambem muitas pessoas, e com certeza muita gente não está interessada em que toda a verdade aflore por muito relevantes que sejam os factos...Por isso, a nossa racionalidade e bom senso individual é o melhor meio.»

COISAS SÉRIAS I

DO BELO



From XC by Karin Rosenthal.

terça-feira, janeiro 11, 2005

WORLD PRESS ABUZZ ABBAS


Imagem - [Link]

«Newspapers across the world express the hope that the election of Mahmoud Abbas, who is also known as Abu Mazen,[...]» [Fonte - BBC News]... mééééééééééé, méééééééééééé, mééééééééééééééééé, ... a paz nunca se alcançou graças ao mau feitio do antigo líder palestiniano. Temos mais um carneirinho, méééééééééééééé, méééééééééééééééééé ... a balir. Não sei se é de dor ou de prazer, concerteza é de prazer.
Também gosto da sonoridade que os jornalístas da BBC deram ao título, "abuzz Abbas", ora imaginem "eibazzzz eibázzzz" "eibazzzz eibázzzz" "eibazzzz eibázzzz" "eibazzzz eibázzzz" "eibazzzz eibázzzz" and so on.

LIBERTA O STRESS

Anda lá clica aqui.

NELSU NO SOM DA FRENTE

Nomeados Brit Awards - «Franz Ferdinand são os favoritos com 5 nomeações logo seguidos pelos Muse, com 4.»[…]«Tom Waits está nomeado na categoria de Melhor Artista Internacional» […] «Este ano os Brit Awards comemoram 25 anos e para os assinalarem criaram o prémio de Melhor Canção do último quarto de século. Nomeados estão os Joy Division com “Love Will Tear Us Apart”, Kate Bush com “Wuthering Heights”,[…]».[Fonte - Antena 3]

MAHMUD ABBAS É O VENCEDOR

«O líder da Organização de Libertação da Palestina (OLP), Mahmud Abbas, venceu a eleição presidencial palestina com 62 por cento dos votos, segundo os resultados oficiais, divulgados esta segunda-feira. Abbas já disse que «estende a mão» a Israel para conseguir a paz.» [Fonte - TSF]

domingo, janeiro 09, 2005

ELEIÇÕES MÉDIO ORIENTE

«Ontem, a 24 horas da ida às urnas, uma sondagem do Centro Palestiniano de Estudos Estatísticos não deixava margem para dúvidas - Mahmud Abbas (aliás Abu Mazen) obteria hoje 51% dos votos nas eleições para a Presidência da Autoridade Nacional Palestiniana (ANP), deixando o seu principal, Mustafá Barguti, com apenas 25% dos escrutínios.» [Fonte - JN]

WILL EISNER


Imagem [Link]

Porque gosto muito de BD, e não conhecia este autor e a magnitude da sua intervenção transcrevo este texto do JN e realço o seguinte fragmento do artigo: «Graficamente, "The Spirit" foi um corte com a planificação tradicional, trazendo para a BD muito da linguagem cinematográfica grandes planos, picado/contra-picado, uso de grande angular. Dessa forma, Eisner marcava o ritmo, enquanto explanava o talento no uso do pincel, em magistrais contrastes de claro/escuro e na expressividade dos rostos e da expressão corporal das personagens, com destaque para as belíssimas e sedutoras mulheres como Satin ou P'Gell.»

ARTIGO COMPLETO [Fonte – JN]:

Will Eisner, o pintor de NY

«Autor norte-americano desapareceu aos 87 anos de idade Considerado pai dos 'comics' modernos deixa como marcos fundamentais, na história da BD, a personagem The Spirit e as 'graphic novels'

Will Eisner morreu na semana passada. Tinha 87 anos e não resistiu a um quádruplo 'by-pass'.

"Pai dos 'comics' modernos" ou "o maior criador de BD de todos os tempos" são algumas das expressões que foram utilizadas para o definir. E que não são exagerados pois, Will Eisner, nascido em Nova Iorque a 6 de Março de 1917, será sempre um dos nomes incontornáveis da banda desenhada, à qual dedicou mais de 60 anos, e um dos poucos autores (o único?) que se podia gabar de ter sido responsável por duas revoluções na banda desenhada, a primeira com a criação de "The Spirit" e a segunda com a criação, nos EUA, das 'graphic novel' - novelas (ou romances) gráficos.

"The Spirit", o combatente classe média do crime

"The Spirit" nasceu no início da década de 40, em histórias curtas, publicadas em, suplementos de jornais. Após a mobilização para a II Guerra Mundial, Eisner retomá-lo-ia nos finais de 1945 para, um ano depois, atingir o seu período áureo.
Identidade secreta de Denny Colt, um criminologista que todos julgaram morto e que se aproveitou disso para combater o crime sem trâmites burocráticos, The Spirit "um combatente classe média do crime, sem super-poderes nem super-uniforme", como o definiu o autor, era uma paródia aos muitos super-heróis que então pululavam na BD. As suas histórias, combinavam humor, mistério e acção, com frequentes incursões noutros géneros, pois Eisner sempre usou "The Spirit" para contar as histórias que lhe apetecia, não surpreendendo por isso que, muitas vezes, ele fosse mero figurante.
Graficamente, "The Spirit" foi um corte com a planificação tradicional, trazendo para a BD muito da linguagem cinematográfica grandes planos, picado/contra-picado, uso de grande angular. Dessa forma, Eisner marcava o ritmo, enquanto explanava o talento no uso do pincel, em magistrais contrastes de claro/escuro e na expressividade dos rostos e da expressão corporal das personagens, com destaque para as belíssimas e sedutoras mulheres como Satin ou P'Gell.
Enquanto dava vida a "The Spirit", Eisner dedicou-se também à BD pedagógica, e ao seu estudo e ensino, paixão assumida, descoberta quando, no exército, lhe pediram "para produzir histórias educativas para os soldados".
Entusiasmado com as potencialidades desta arte - técnicas, comerciais, pedagógicas - Eisner foi aprofundado a questão e "demasiado envolvido com as outras aplicações dos quadradinhos, em especial o ensino, como estava mais interessado nesta utilização da arte, abandonei o Spirit", no auge da sua popularidade, em 1952. Essa experiência deu origem a dois livros incontornáveis no que respeita ao ensino e à análise formal da banda desenhada "Comics and Sequencial art" (1985) e "Graphic Storytelling & Visual Narrative" (1996).

Novelas gráficas

Em 1978, Eisner regressou de forma surpreendente, inovando mais uma vez num meio em que tudo parecia inventado, ao criar o conceito de 'graphic novel'. Histórias "sérias", para leitores adultos, equivalentes, se assim se pode dizer, aos romances literários, sem limitação do número de páginas, da temática ou da forma. Em "A contract with god", e noutras que se lhe seguiram, como "Big City", "New York", The Building" ou "Dropsie Avenue", deu largas à paixão pela sua Nova Iorque natal, que Eisner desenhou como ninguém, numa relação que só terá equivalente em Woody Allen, no cinema. Combinando ficção com dados históricos e autobiográficos, criou relatos intensos, dramáticos, palpitantes, com uma cidade viva como pano de fundo e os seus habitantes - anónimos, muitos deles judeus e/ou imigrantes como os seus pais - como protagonistas.
Quem o (re)leu ao longo dos anos, desejaria que Will Eisner pudesse, tal como Denny Colt, regressar à vida quando todos o julgam morto. Fá-lo-á, de cada vez que (re)lermos a sua obra.»

O NELSU E OS SEUS ELEMENTOS


Imagem [Link]

Clarificação: "Nelsu, uma preta!", deriva do pedido destes 4 rapazes ao Sr. Nelson [Nelsu] por uma cerveja preta.
Da esquerda para a direita, Sabão, Xunca, Nelsu, Major Alvega, do arte.

Porque nunca é tarde, esclareço que esta fotografia foi tirada na celebração do 1º aniversário do Nelsu, no qual tirámos fotografia ao elemento central da saga "O Nelsu faz anos!": "O Bolo de cereja".


Imagem, passo a publicidade [Link]

OS EPISÓDIOS

Ligação - O Nelsu faz anos! XIII
Ligação - O Nelsu faz anos! XII
Ligação - O Nelsu faz anos! XI
Ligação - O Nelsu faz anos! X
Ligação - O Nelsu faz anos! IX
Ligação - O Nelsu faz anos! VIII
Ligação - O Nelsu faz anos! VII
Ligação - O Nelsu faz anos! VI
Ligação - O Nelsu faz anos! V
Ligação - O Nelsu faz anos! IV
Ligação - O Nelsu faz anos! III
Ligação - O Nelsu faz anos! II
Ligação - O Nelsu faz anos! I
Ligação - O Nelsu faz anos! – Epilogo

sábado, janeiro 08, 2005

“NÁ’MÉRICA” V

RELATO



«Olá a todos. La Paz a capital mais alta do mundo [Bolívia], +/- 3800 metros. Cidade muito colorida cheia de vida. Cheguei hoje de Potosí pela manhã e aproveitei parar dar umas voltas [Museu de arte contemporânea, Prisão de San Pedro] onde uns viviam na miséria e outros em quartos de hotel 5 estrelas, a um ano atrás era possível visitar por dentro! [Miradouro] onde se pode ver a metrópole, La Paz e a adjacente Cidade do Alto. As fotos são da experiência mais fabulosa que tive até ao momento: A travessia em jeep do Salar de Uyuni em 3 dias simplesmente espectacular. Após Uyuni fui para Potosí a cidade mais elevada do mundo + de 4000 metros onde tive a experiência mais bizarra ate ao momento: visitar uma mina de Prata em laboração. Amanhã ai vem mais uma experiência louca a descida da estrada mais perigosa do mundo em bicicleta, desde 4700m até 1300 ou seja mais de 3000m de desnível em 65 km... Hoje tenho de ficar por aqui pois o homem quer fechar a loja.

Saudações Bolivianas Hélder Almeida»



NOTA DO AUTOR DO POST = EU



Hélder, hoje o arquitecto faz anos. Daqui a pouco vou entrar na festa.
Entretanto acrescento ao teu relato esta informação que encontro no meu atlas, que escreve qualquer coisa como: Uyuni e Potosí encontra-se no “Antiplano”, que é um planalto elevado situado entre a cordilheira oriental e ocidental da cordilheirados Andesa uma altitude de 3800m, como referiste. Que tal uma visita ao lago Titicaca? Saudações “Bolivarianas”.

IMAGENS



- Imagem 1 – Atacama [Chile];
- Imagem 2 – Uyuni [Bolívia];
- Imagem 3 – Arvore de Pedra [Bolívia];
- Imagem 4 – Lagoa Colorada [Bolívia];
- Imagem 5 – Lama [Bolívia];
- Imagem 6Salar de Uyuni [Bolívia].

EPISÓDIOS ANTERIORES DA SAGA NÁ'MÉRICA

“NÁ’MÉRICA” IV - Ligação;
“NÁ’MÉRICA” III - Ligação;
“NÁ’MÉRICA” II - Ligação;
“NÁ’MÉRICA” I - Ligação.

O NELSU, TRADUZIDO EM INGLÊS, TORNA-SE AINDA + + + + + + + + CÓMICO

Para meu espanto o Nelsu foi sujeito a esta “eficaz” ferramenta de tradução de páginas da web do Yahoo. O resultado é curioso e não deixa de ter a sua piada.
O curioso com o que se escreve no Nelsu foi um cidadão Norte-Americano Foi um cidadão Norte-Americano de Seattle que procurava informação sobre Galba Sandras. Hye, Seattle!!

NAH! NAH!

A visita, «Secretary of State Colin Powell departed Washington for Asia Sunday, leading a US delegation which will survey the devastation from last week's tsunamis, which relief officials said killed more than 150,000 people.» [Fonte – Turkish News]
A conclusão, «"I have been in war and I have been through a number of hurricanes, tornados and other relief operations, but I have never seen anything like this," said America’s former top soldier.» [Fonte – The Indian Express]

- E depois?
- Depois, estava o peixinho, veio o gato, e comeu-o!
- ...
- Mas veio o cão, e o gato teve de se esconder!
- ...
- Depois veio o coelhinho...
- Nah, nah, o coelhinho foi com o Pai Natal e o palhaço no comboio ao circo.

Para estes súcias, um mutilado de guerra é qualquer coisa de perfeitamente normal.

BEM ENTOADO, O BRAMIDO DO VEADO

«O vencedor da "Quinta das Celebridades" prometeu intervenção política para melhorar o mercado. Vendedoras queixam-se da inércia de Rui Rio.» As vendedoras: «"O Rio não tem feito nada por nós. Se o Branco fosse para presidente da câmara, fazia. De certeza! Da maneira que gosta de nós!" frisaram.» [Fonte – O Comércio do Porto]

NÃO FAZER MUITO BARULHO SENÃO ACORDAM

«Any successful Middle East peace plan must consider the divisive cultural and political variations within that region as well as adequate living space provisions for each relatively homogeneous entity.» [Fonte – Israel Hasbara Committee]

ÁSIA - actualizado

NÚMEROS

«Death toll passes 150,000 in tsunami disaster; massive feeding program announced» [Fonte - San Francisco Chronicle]

ÓBVIAS DIFICULDADES LOGÍSTICAS

«JAKARTA, INDONESIA - Relief workers say a flood of foreign dignitaries is clogging the airport in Indonesia's Aceh province and slowing the distribution of aid to tsunami victims.» [Fonte - CBC News, Canadá]

NATAL É TODOS OS DIAS



«Sandra Bullock has given US$1million ($1.4 million) to the American Red Cross tsunami relief fund, the organisation said.», [Fonte – The New Zeland Herald] Que estes exercícios de filantropia continuem perante outros dramas do mundo, que permanecerão, sempre, sempre, sempre, sempre ...


Passo a publicidade.

VÍTIMAS A +

«A amplitude da catástrofe teria podido ser evitada» (...) «O terrorismo também tem um epicentro [Fonte - Resistir.Info, Fonte Original - Il Manifesto]

GRAÇAS A DEUS

«In the macroeconomies of Sri Lanka, Indonesia, India, Thailand and the other affected countries, the tsunami is likely to register more as a small wave, because the two industries most heavily hit — tourism and fishing — comprise small percentages of the economy overall.» [Fonte – Houston Chronicle]

ENTRE A CONFUSÃO

«The United Nations Children's Fund confirmed a case in Indonesia of trafficking in children orphaned or separated from parents by the Indian Ocean tsunami as ravaged countries were warned to be on high alert for kidnappers» [Fonte – JAKARTA, Reuters]

HEY!! TU!! ISSO MESMO, É PARA TI QUE ESTOU A FALAR. OH CAMARADA, O QUE ANDA P’RAÍ A FAZER??

«North Korea – Our greatest threat is east of Middle East» [Fonte – The Conservative Voice]
Eu digo: “Não é!”, mas fique claro que «(…) a Coreia do Norte é uma evidência que as concepções de socialismo e de democracia que defendemos estão nos antípodas das deste país, e que rejeitamos vigorosamente quaisquer tentativas para "colar" o PCP a experiências ou práticas pelas quais não é responsável e que são estranhas às suas concepções.» [Fonte – Semanário]

quarta-feira, janeiro 05, 2005

O GAJO A QUEM OS IRMÃOS DAVAM PONTAPÈS!

Ontem, ao ouvir o telejornal, entre o estende a roupa e faz o jantar, reparei num som profundamente irritante que saía pela sistema de som Surround Dolby Prologic. Pensei: ai o caralho...vou ter de me chatear com os gajos da Rádio Popular, mas numa segunda análise e olhando para o ecrã vi Pôncio Monteiro! Fiquei intrigado...Mas os donos da bola já não acabaram? Mais estupefacto fiquei quando o ouvi a falar de listas do PSD e coiso tal, e o Santana Lopes e os convites e as facadas...Vou eu assim de mim para mim: Mas o que caralho vem a ser isto? E eu próprio respondi:
- Mais uma ideia brilhante do eloquente Santana. Já não lhe bastava o "caso Marcelo", o mininstro demissionário, o "põe-te nas putas" do Sampaio e o "Não te coles a mim" do Cavaco, ainda teve de gramar com o "Isto nem a malta da bola me fazia" do Pôncio Monteiro. Santana arrisca-se a ficar conhecido como o Tsunami Laranja, ao arrasar por completo um partido onde até se batiam umas sestas porreiras e se podia apanhar sol, e tal, e assim...

terça-feira, janeiro 04, 2005

INTERRUPÇÕES

“Interrupções” é o nome da exposição de fotografia dos alunos do 3º ano da ESAP – Escola Superior Artística do Porto, que poderá ser visitada na galeria do edifício principal da referida escola, sito no largo de S. Domingos, Porto, até ao dia 14 de Janeiro de 2005.

O projecto, que surge no âmbito da disciplina de Projecto e Crítica da Fotografia, baseia-se nos conceitos fotográficos de Jonh Hilliard, um fotógrafo que, através dos seus trabalhos, não só questiona os enquadramentos e as representações “normais” da imagem, como procura quebrar a barreira existente entre a realidade e a ficção.

As obras expostas questionam a objectividade e o realismo da fotografia, não escondendo, na própria imagem, o modo ou o método como foram construídas. Um dado importante, é o de que nenhuma destas imagem é manipulada digitalmente...

Visitem também este blog!

sábado, janeiro 01, 2005

WITNESS

«How I escaped the tsunami tragedy» [Fonte - Vanguard, Nigéria].

BLOG D'ESQUERDA, FELIZ ANIVERSÁRIO

O Blog D'Esquerda, completa hoje 2 anos. Feliz Aniversário, ao blogue que melhor representa a esquerda na blogosfera nacional.
Caso não conheçam, o Zé Mário é o gajo do fundo. Abraço a todos, Alvega. 1 Ano, 2 Anos.

PRIMEIRA VISITA DE 2005

A primeira visita de 2005 verificou-se pelas 00:56:55, chegou do Brasil de uma zona que o AddFreeSTATS não conseguiu identificar, entrou através de uma pesquisa do motor de busca CADÊ? YAHOO, com base no critério BATALHA+da+NORMANDIA.